segunda-feira, 2 de novembro de 2009

Olha Só! virtual X real?!



Apreciadores de jogos para pc ou outros consoles, principalmente os que curtem jogos de guerra em 1ª pessoa, se não jogaram já ouviram falar do Call of Duty, desenvolvido pela Infinity Ward e distribuído pelo Activision. Não vou falar, ou melhor _ escrever _ sobre as "virtudes" ou "vícios" deste jôgo ou sobre os jogos de interatividade real ou virtual. Nem mesmo irei especular, nesta oportunidade, sobre os liames ou fronteiras entre o real e o virtual. O assunto sugere a temática, como _ talvez _ a ideologia em tempos (pós)modernos, mas trata mais de uma impressão, e quero dividí-la com vocês.


Algo me ocorreu quando da reeleição de Hamid Karzai para a presidência do Afeganistão. Conforme noticiado de Washigton pela Agência Reuters (02/11/2009), ele se reelegeu após o cancelamento do 2º turno pelo motivo da retirada da candidatura do líder opositor Abdullah Abdullah. Os E.U.A reconheceram a legitimidade das eleições, contudo o presidente norte-americano, Barack Obama, deu os seus "pitacos" (ou serão "pitos"?).


As coisas por lá, como todos sabem, faz muito tempo que corre quente! E não serei eu que "botarei" mais lenha na fogueira... mas, Karzai é parecidíssimo com Imran Zarkhaev, o grande vilão do jôgo Call of Duty, na sua 4ª versão, modern warfare (lançado em 2007). A diferença física é a falta do antebraço de Zarkhaev, já que Karzai tem os dois... metaforicamente parece ter até mais de dois...rs. Olha Só! as fotos.






















O desenvolvedor entrou com pedido legal de proteção da trademark. Indício que o jôgo em questão poderá parar nas telas do cinema.

Abaixo uma charge que põe em dúvida os trâmites que mativeram Karzai no poder.



domingo, 1 de novembro de 2009

ANDRÉA BÓRIS: militante do bom Rock na praia.

Apesar do Chalie Brown e de outras bandas de Rock que partiram da Baixada santista e são conhecidas nacionalmente, o apreciador do bom Rock in Roll sabe e sente na pele a carência por espaços que destinem _ pelo menos _ parte da sua programação noturna para os músicos de Rock e a sua fruição pelo público da região metropolitana e, também, pelos inúmeros turistas roqueiros. Andréa Bóris (foto) é uma guerreira (por sinal o "modelito" que vestia me remeteu a essa idéia) que há tempos está nessa batalha inglória: cavar espaços para o bom e "velho" Rock in Roll.
A sua mais recente performance aconteceu no sábado, dia 31 do mês passado, também seu aniversário (Parabéns!!!), no Villa Boemia em Praia Grande (SP). A aniversariante brindou ao público com uma sonoridade que inaugurou ao vivo sua nova fase. Isto lá pelas tantas da madruga, pois após a grupo musical inicial tocar (por sinal, mandaram os sons do Rappa e Seu Jorge muito bem. Show!!!), tiveram problemas técnicos na montagem dos equipamentos e o público foi ficando rarefeito. Eu mesmo não pude ficar até o final. Pena! Percalços acontecem.
Foi bom constatar que ela continua Rock'n Roll, não perdeu a "veia" que tanto faz lembrar as grandes Divas do som pesado, Janis Joplin por exemplo, mas agora, também, faz releituras de músicas pops e dançantes, além de composições próprias.
Espero que possamos assistí-la mais vezes e, também, a outras apresentações de Rock sem precisarmos subir a serra.
"Rock is life!"

quinta-feira, 22 de outubro de 2009

Apenas um exemplo de um País que joga ouro no lixo!

22/10/2009 - 10h06

Concurso para garis atrai 22 mestres e 45 doutores no Rio

da Folha de S.Paulo, no Rio

Com inscrições abertas desde o dia 7, o concurso público para a seleção de 1.400 garis para a cidade do Rio já atraiu 45 candidatos com doutorado, 22 com mestrado, 1.026 com nível superior completo e 3.180 com superior incompleto, segundo a Comlurb (Companhia Municipal de Limpeza Urbana).

Para participar do concurso, basta ter concluído a quarta série do ensino fundamental. As inscrições terminam amanhã.

Somados, os candidatos que já passaram pelos bancos de universidades representam quase 4% dos 109.193 inscritos até anteontem. Os anos de estudo a mais, porém, não devem colocá-los em vantagem na disputa --a seleção é feita por meio de testes físicos, como barra, flexão abdominal e corrida.

Aqueles que forem contratados trabalharão 44 horas por semana e receberão salário de R$ 486,10 mensais, tíquete alimentação de R$ 237,90, vale-transporte e plano de saúde. A remuneração poderá ser acrescida ainda de um adicional por insalubridade.

Aluno do segundo período de história da Estácio de Sá, no Rio, Luiz Carlos da Silva, 23, disse ter ouvido muitos comentários preconceituosos dos colegas quando contou que disputaria uma vaga de gari.

"Disseram que eu era maluco, que eu ia ficar fedendo a lixo... Mas a faculdade hoje não garante emprego nem estabilidade para ninguém. Eu quero segurança", diz ele, que, no entanto, planeja continuar estudando para no futuro trocar o trabalho de gari pelo de professor de escola pública.

"Meu sonho é dar aula, é o que eu gosto de fazer", afirma o estudante de história.

Já Ronaldo Carlos da Silva, 42, ex-aluno do curso de letras da UFRJ (Universidade Federal do Rio de Janeiro), vê no concurso de gari a chance de reorganizar a vida, após um ano de desemprego.

Se for bem-sucedido, pretende voltar à sala de aula, que teve de abandonar quando ainda estava no terceiro período do curso -sem trabalho fixo, tinha dificuldades até para pagar o transporte para ir à universidade. Insatisfeito com a faculdade de letras, porém, quer cursar direito. "Vou fazer um curso preparatório", planeja.

Também desempregada, Thaiane do Prado Gomes, 21, estranhou ao ouvir que iria disputar vagas com pessoas com curso superior e até mestrado e doutorado. "Isto aqui é para quem não tem escolaridade. Para os outros tem mais oportunidade. Eu mesma, que completei o segundo grau, fiquei na dúvida se devia me inscrever."

segunda-feira, 10 de agosto de 2009

POLÍTICOS COM A FICHA SUJA

NÃO VOTE EM POLÍTICO BANDIDO!

1- ABELARDO LUPION Deputado PFL-PR Sonegação Fiscal
2 -ADEMIR PRATES Deputado PDT-MG Falsidade Ideológica
3 -AELTON FREITAS Senador PL-MG Crime de Responsabilidade e Estelionato
4 -AIRTON ROVEDA Deputado PPS-PR Peculato
5 -ALBÉRICO FILHO Deputado PMDB-MA Apropriação Indébita
6 -ALCESTE ALMEIDA Deputado PTB-RR Peculato e Formação de Quadrilha, Sanguessugas (Escândalo das Ambulâncias)
7 -ALEX CANZIANI Deputado PTB-PR Peculato
8 -ALMEIDA DE JESUS Deputado PL-CE Sanguessugas (Escândalo das Ambulâncias)
9 -ALMIR MOURA Deputado PFL-RJ Sanguessugas (Escândalo das Ambulâncias)
10 -AMAURI GASQUES Deputado PL-SP Sanguessugas (Escândalo das Ambulâncias)
11 -ANDRÉ ZACHAROW Deputado PMDB-PR Improbidade Administrativa
12 -ANÍBAL GOMES Deputado PMDB-CE Improbidade Administrativa
13 -ANTERO PAES DE BARROS Senador PSDB-MT Improbidade Administrativa e Formação de Quadrilha
14 -ANTÔNIO CARLOS PANNUNZIO Deputado PSDB-SP Crime de Responsabilidade
15- ANTÔNIO JOAQUIM Deputado PSDB-MA Improbidade Administrativa
16 -BENEDITO DE LIRA Deputado PP-AL Sanguessugas (Escândalo das Ambulâncias)
17- BENEDITO DIAS Deputado PP-AP Sanguessugas (Escândalo das Ambulâncias)
18 -BENJAMIN MARANHÃO Deputado PMDB-PB Crime Eleitoral
19 -BISPO WANDERVAL Deputado PL-SP Sanguessugas (Escândalo das Ambulâncias)
20 -CABO JÚLIO (JÚLIO CÉSAR GOMES DOS SANTOS) Deputado PMDB-MG Crime Militar, Sanguessugas (Escândalo das Ambulâncias)
21 -CARLOS ALBERTO LERÉIA Deputado PSDB-GO Lesão Corporal
22 -CELSO RUSSOMANNO Deputado PP-SP Crime Eleitoral, Peculato e Agressão
23 -CHICO DA PRINCESA (FRANCISCO OCTÁVIO BECKERT) Deputado PL-PR Crime Eleitoral
24 -CIRO NOGUEIRA Deputado PP-PI Crime Contra a Ordem Tributária e Prevaricação
25 -CLEONÂNCIO FONSECA Deputado PP-SE Sanguessugas (Escândalo das Ambulâncias)
26- CLÓVIS FECURY Deputado PFL-MA Crime Contra a Ordem Tributária
27 -CORIALANO SALES Deputado PFL-BA Sanguessugas (Escândalo das Ambulâncias)
28 -DARCÍSIO PERONDI Deputado PMDB-RS Improbidade Administrativa
29 -DAVI ALCOLUMBRE Deputado PFL-AP Corrupção Ativa
30- DILCEU SPERAFICO Deputado PP-PR Apropriação Indébita
31 -DOUTOR HELENO Deputado PSC-RJ Sanguessugas (Escândalo das Ambulâncias)
32 -EDSON ANDRINO Deputado PMDB-SC Crime de Responsabilidade
33 -EDUARDO AZEREDO Senador PSDB-MG Improbidade Administrativa
34 -EDUARDO GOMES Deputado PSDB-TO Crime Eleitoral, Sanguessugas (Escândalo das Ambulâncias)
35 -EDUARDO SEABRA Deputado PTB-AP Sanguessugas (Escândalo das Ambulâncias)
36 -ELIMAR MÁXIMO DAMASCENO Deputado PRONA-SP Falsidade Ideológica
37 -EDIR DE OLIVEIRA Deputado PTB-RS Sanguessugas (Escândalo das Ambulâncias)
38- EDNA MACEDO Deputado PTB-SP Sanguessugas (Escândalo das Ambulâncias)
39- ELAINE COSTA Deputada PTB-RJ Sanguessugas (Escândalo das Ambulâncias)
40 -ELISEU PADILHA Deputado PMDB-RS Corrupção Passiva
41- ENIVALDO RIBEIRO Deputado PP-PB Crime Contra a Ordem Tributária, Sanguessugas (Escândalo das Ambulâncias)
42 -ÉRICO RIBEIRO Deputado PP-RS Crime Contra a Ordem Tributária e Apropriação Indébita
43 -FERNANDO ESTIMA Deputado PPS-SP Sanguessugas (Escândalo das Ambulâncias)
44 -FERNANDO GONÇALVES Deputado PTB-RJ Sanguessugas (Escândalo das Ambulâncias)
45 -GARIBALDI ALVES Senador PMDB-RN Crime Eleitoral
46 -GIACOBO (FERNANDO LUCIO GIACOBO) Deputado PL-PR Crime Contra a Ordem Tributária e Seqüestro
47 -GONZAGA PATRIOTA Deputado PSDB-PE Apropriação Indébita
48 -GUILHERME MENEZES Deputado PT-BA Improbidade Administrativa
49 -INALDO LEITÃO Deputado PL-PB Crime Contra o Patrimônio, Declaração Falsa de Imposto de Renda
50 -INOCÊNCIO DE OLIVEIRA Deputado PMDB-PE Crime de Escravidão
51- IRAPUAN TEIXEIRA Deputado PP-SP Sanguessugas (Escândalo das Ambulâncias)
52 -IRIS SIMÕES Deputado PTB-PR Sanguessugas (Escândalo das Ambulâncias)
53- ITAMAR SERPA Deputado PSDB-RJ Crime Contra o Consumidor, Sanguessugas (Escândalo das Ambulâncias)
54 -ISAÍAS SILVESTRE Deputado PSB-MG Sanguessugas (Escândalo das Ambulâncias)
55 -JACKSON BARRETO Deputado PTB-SE Peculato e Improbidade Administrativa
56 -JADER BARBALHO Deputado PMDB-PA Improbidade Administrativa, Peculato, Crime Contra o Sistema Financeiro e Lavagem de Dinheiro
57- JAIME MARTINS Deputado PL-MG Crime Eleitoral
58 -JEFERSON CAMPOS Deputado PTB-SP Sanguessugas (Escândalo das Ambulâncias)
59- JOÃO BATISTA Deputado PP-SP Falsidade Ideológica, Sanguessugas (Escândalo das Ambulâncias)
60 -JOÃO CALDAS Deputado PL-AL Sanguessugas (Escândalo das Ambulâncias)
61 -JOÃO CORREIA Deputado PMDB-AC Declaração Falsa de Imposto de Renda, Sanguessugas (Escândalo das Ambulâncias)
62 -JOÃO HERRMANN NETO Deputado PDT-SP Apropriação Indébita
63 -JOÃO MAGNO Deputado PT-MG Lavagem de Dinheiro
64 -JOÃO MENDES DE JESUS Deputado PSB-RJ Sanguessugas (Escândalo das Ambulâncias)
65 -JOÃO PAULO CUNHA Deputado PT-SP Corrupção Passiva, Lavagem de Dinheiro e Peculato
66 -JOÃO RIBEIRO Senador PL-TO Peculato e Crime de Escravidão
67 -JORGE PINHEIRO Deputado PL-DF Crime Ambiental
68 -JOSÉ DIVINO Deputado PRB-RJ Sanguessugas (Escândalo das Ambulâncias)
69 -JOSÉ JANENE Deputado PP-PR Estelionato, Improbidade Administrativa, Lavagem de Dinheiro, Corrupção Passiva, Formação de Quadrilha, Apropriação Indébita e Crime Eleitoral
70 -JOSÉ LINHARES Deputado PP-CE Improbidade Administrativa
71 -JOSÉ MENTOR Deputado PT-SP Corrupção Passiva
72 -JOSÉ MILITÃO Deputado PTB-MG Sanguessugas (Escândalo das Ambulâncias)
73 -JOSÉ PRIANTE Deputado PMDB-PA Crime Contra o Sistema Financeiro
74 -JOVAIR ARANTES Deputado PTB-GO Improbidade Administrativa
75 -JOVINO CÂNDIDO Deputado PV-SP Improbidade Administrativa
76 -JÚLIO CÉSAR Deputado PFL-PI Peculato, Formação de Quadrilha, Lavagem de Dinheiro e Falsidade Ideológica
77 -JÚLIO LOPES Deputado PP-RJ Falsidade Ideológica
78 -JÚNIOR BETÃO Deputado PL-AC Declaração Falsa de Imposto de Renda, Sanguessugas (Escândalo das Ambulâncias)
79 -JUVÊNCIO DA FONSECA Deputado PSDB-MS Improbidade Administrativa
80 -LAURA CARNEIRO Deputada PFL-RJ Improbidade Administrativa e Sanguessugas (Escândalo das Ambulâncias)
81 -LEONEL PAVAN Senador PSDB-SC Contratação de Serviços Públicos Sem Licitação e Concussão
82 -LIDEU ARAÚJO Deputado PP-SP Crime Eleitoral
83 -LINO ROSSI Deputado PP-MT Sanguessugas (Escândalo das Ambulâncias)
84 -LÚCIA VÂNIA Senadora PSDB-GO Peculato
85 -LUIZ ANTÔNIO FLEURY Deputado PTB-SP Improbidade Administrativa
86 -LUPÉRCIO RAMOS Deputado PMDB-AM Crime de Aborto
87 -MÃO SANTA Senador PMDB-PI Improbidade Administrativa
88 -MARCELINO FRAGA Deputado PMDB-ES Crime Eleitoral, Sanguessugas (Escândalo das Ambulâncias)
89 -MARCELO CRIVELA Senador PRB-RJ Crime Contra o Sistema Financeiro e Falsidade Ideológica
90 -MARCELO TEIXEIRA Deputado PSDB-CE Sonegação Fiscal
91 -MÁRCIO REINALDO MOREIRA Deputado PP-MG Crime Ambiental
92 -MARCOS ABRAMO Deputado PP-SP Sanguessugas (Escândalo das Ambulâncias)
93 -MÁRIO NEGROMONTE Deputado PP-BA Sanguessugas (Escândalo das Ambulâncias)
94 -MAURÍCIO RABELO Deputado PL-TO Sanguessugas (Escândalo das Ambulâncias)
95 -NÉLIO DIAS Deputado PP-RN Sanguessugas (Escândalo das Ambulâncias)
96 -NELSON BORNIER Deputado PMDB-RJ Improbidade Administrativa
97 -NEUTON LIMA Deputado PTB-SP Sanguessugas (Escândalo das Ambulâncias)
98 -NEY SUASSUNA Senador PMDB-PB Sanguessugas (Escândalo das Ambulâncias)
99 -NILTON CAPIXABA Deputado PTB-RO Sanguessugas (Escândalo das Ambulâncias)
100 -OSMÂNIO PEREIRA Deputado PTB-MG Sanguessugas (Escândalo das Ambulâncias)
101 -OSVALDO REIS Deputado PMDB-TO Apropriação Indébita
102 -PASTOR AMARILDO Deputado PSC-TO Sanguessugas (Escândalo das Ambulâncias)
103 -PAULO AFONSO Deputado PMDB-SC Peculato, Crime Contra o Sistema Financeiro e Improbidade Administrativa
104 -PAULO BALTAZAR Deputado PSB-RJ Sanguessugas (Escândalo das Ambulâncias)
105 -PAULO FEIJÓ Deputado PSDB-RJ Sanguessugas (Escândalo das Ambulâncias)
106 -PAULO JOSÉ GOUVEIA Deputado PL-RS Porte Ilegal de Arma
107 -PAULO LIMA Deputado PMDB-SP Extorsão e Sonegação Fiscal
108 -PAULO MAGALHÃES Deputado PFL-BA Lesão Corporal
109 -PEDRO HENRY Deputado PP-MT Formação de Quadrilha, Lavagem de Dinheiro e Corrupção Passiva, Sanguessugas (Escândalo das Ambulâncias)
110 -PROFESSOR IRAPUAN Deputado PP-SP Crime Eleitoral
111 -PROFESSOR LUIZINHO Deputado PT-SP Lavagem de Dinheiro
112 -RAIMUNDO SANTOS Deputado PL-PA Sanguessugas (Escândalo das Ambulâncias)
113 -REGINALDO GERMANO Deputado PP-BA Sanguessugas (Escândalo das Ambulâncias)
114 -REINALDO BETÃO Deputado PL-RJ Sanguessugas (Escândalo das Ambulâncias)
115 -REINALDO GRIPP Deputado PL-RJ Sanguessugas (Escândalo das Ambulâncias)
116 -REMI TRINTA Deputado PL-MA Estelionato e Crime Ambiental
117 -RIBAMAR ALVES Deputado PSB-MA Sanguessugas (Escândalo das Ambulâncias)
118 -RICARDO BARROS Deputado PP-PR Sonegação Fiscal
119 -RICARTE DE FREITAS Deputado PTB-MT Improbidade Administrativa e Formação de Quadrilha, Sanguessugas (Escândalo das Ambulâncias)
120 -RODOLFO TOURINHO Senador PFL-BA Gestão Fraudulenta de Instituição Financeira
121 -ROMERO JUCÁ Senador PMDB-RR Improbidade Administrativa
122 -ROMEU QUEIROZ Deputado PTB-MG Corrupção Ativa, Corrupção Passiva e Lavagem de Dinheiro
123 -RONALDO DIMAS Deputado PSDB-TO Crime Eleitoral
124 -SANDRO MABEL Deputado PL-GO Crime Contra a Ordem Tributária
125 -SUELY CAMPOS Deputada PP-RR Crime Eleitoral
126 -TATICO (JOSÉ FUSCALDI CESÍLIO) Deputado PTB-DF Crime Contra a Ordem Tributária, Declaração Falsa de Imposto de Renda e Sonegação Fiscal
127 -TETÉ BEZERRA Deputado PMDB-MT Sanguessugas (Escândalo das Ambulâncias)
128 -THELMA DE OLIVEIRA Deputada PSDB-MT Improbidade Administrativa e Formação de Quadrilha
129 -VADÃO GOMES Deputado PP-SP Improbidade Administrativa e Crime Contra a Ordem Tributária
130 -VALDIR RAUPP Senador PMDB-RO Peculato, Uso de Documento Falso, Crime Contra o Sistema Financeiro, Crime Eleitoral e Gestão Fraudulenta de Instituição Financeira
131 -VALMIR AMARAL Senador PTB-DF Apropriação Indébita
132 -VANDERLEI ASSIS Deputado PP-SP Crime Eleitoral, Sanguessugas (Escândalo das Ambulâncias)
133 -VIEIRA REIS Deputado PRB-RJ Sanguessugas (Escândalo das Ambulâncias)
134 -VITTORIO MEDIOLI Deputado PV-MG Sonegação Fiscal
135 -WANDERVAL SANTOS Deputada PL-SP Corrupção Passiva
136 -WELLINGTON FAGUNDES Deputada PL-MT Sanguessugas (Escândalo das Ambulâncias)
137 -ZÉ GERARDO Deputado PMDB-CE Crime de Responsabilidade
138 -ZELINDA NOVAES Deputada PFL-BA Sanguessugas (Escândalo das Ambulâncias)
139 -Ângela Guadagnin Deputada PT-SP Dançarina do Plenário da Câmara, comemorando absolvição de corrupto
140 -Antônio Palocci Ex-Ministro PT-SP Quebra de Sigilo Bancário
141 -Carlos Rodrigues Ex-Deputado PL-RJ Bispo Rodrigues
142 -Delúbio Soares Tesoureiro PT-GO Ex Tesoureiro do PT
143 -José Dirceu Ex-Deputado PT-SP Mensalão
144 -José Genoíno Ex-Deputado PT-SP Mensalão, Dólares na Cueca
145 -José Nobre Guimarães DeputadoEst. PT-CE Dólares na Cueca (Agora Candidato a Dep. Federal)
146 -Josias Gomes Deputado PT-BA Mensalão, CPI dos Correios
147 -Luiz Gushiken Ex-Ministro PT-SP CPI dos Correios
148 -Paulo Salim Maluf Ex PPB-SP Corrupção, Falcatruas, Improbidade Administrativa, Desvio de Dinheiro Público, Lavagem de dinheiro
149 -Paulo Pimenta Deputado PT-RS Compra de Votos, Mensalão, CPI Correios
150 -Pedro Corrêa Ex-Deputado PP-PE Cassado em associação ao Escândalo do Mensalão, Compra de Votos
151 -Roberto Brant Deputado PFL-MG Crime Eleitoral, Mensalão, CPI Correios
152 -Roberto Jefferson Ex-Deputado PTB-RJ Mensalão
153 -Severino Cavalcanti Ex-Deputado PP-PE Escândalo do Mensalinho (Renuncio para evitar a cassação)
154 -Silvio Pereira SecretárioPT PT Mensalão
155 -Valdemar Costa Neto Exc-Deputado PL-SP Mensalão (renunciou para evitar a cassação)


segunda-feira, 13 de julho de 2009

Dia Mundial do Rock

Porque o dia 13 de julho é a data comemorativa do Rock? Esta data foi escolhida em função do Festival Live Aid, um evento contra a fome na Etiópia que aconteceu simultaneamente em Londres e na Filadélfia em 13 de julho de 1985. Este evento reuniu em torno de uma causa social roqueiros de peso, tais como Santana, Bob Dylan, The Who, Queen.
Rock, além da celebração da música e do corpo, não é apenas contestação, penso ser o estado de espírito necessário para que nossa indignação possa se tornar ação. Curtam um pouco de KISS, em uma apresentação histórica em 1986.

video

domingo, 28 de junho de 2009

direito à Embriaguez?

FILÓSOFO DEFENDE DIREITO À EMBRIAGUEZ

LA VANGUARDIA, 10/03/2008.

"A embriaguez é um direito humano fundamental", diz Javier Esteban.
Tenho 42 anos. Nasci e vivo em Madri. Licenciado em Filosofia e Direito, dirijo a revista universitária "Geração XXI". Sou casado e tenho duas filhas, Alma (10) e Sol (8). Sou um excêntrico de centro. Sou sufi: caminho para onde caminha o amor. O poder combate a embriaguez.
A entrevista:
LV - O que é a embriaguez?
Esteban - Uma expansão da consciência que descortina os véus que ocultam a realidade.
LV - Desde quando ela existe?
Esteban - Desde sempre. Até os animais se drogam com substâncias naturais, com frutos fermentados... Formigas, cabras, pássaros, macacos... Todos se extasiam e brincam!
LV - Então nós somos como os animais?
Esteban - Não, eles agem por um determinismo instintivo, mas nós temos liberdade! Liberdade para a embriaguez. Liberdade para experimentar com a nossa consciência.
LV - Liberdade para nos drogarmos?
Esteban - É o uso dessa liberdade que nos torna humanos! O direito à embriaguez, portanto, é um direito humano fundamental. "Que ninguém venha me dizer quantos copos de vinho eu posso beber", disse Aznar. Ele tem razão. Mas com certeza a droga favorita dele é o poder, como a de Zapatero.
LV - Nem Zapatero nem Rajoy nunca fumaram nem um baseado, conforme declararam.
Esteban - Por uma questão de geração, custa-me crer que Zapatero nunca tenha experimentado um baseado. É como se o pai dele nunca tivesse provado um copo de vinho!
LV - Quem é que coíbe o direito humano à embriaguez, em sua opinião?
Esteban - A Igreja católica e o Estado (igreja laica), que querem fiscalizar a nossa consciência.
LV - Castigando os motoristas bêbados?
Esteban - Não, eu não me oponho a sancionar as condutas que são perigosas para terceiros. Mas critico o fato de que estão boicotando o autocontrole que temos de nossa consciência.
LV - Desde quando isso acontece?
Esteban - Começou com a destruição do templo grego de Eleusis, no século 4 d.C.
LV - Agora você foi longe!
Esteban - Desde o ano de 1.500 a.C., no contexto dos mistérios eleusinos, acontecia um ritual de embriaguez que cada grego vivia uma vez na vida, e isso lhes abria as portas da consciência.
LV - Em que consistiam esses mistérios?
Esteban - Eram rituais que aconteciam à noite. Em comunhão coletiva, eles ingeriam um enteógeno.
LV - O que é um enteógeno?
Esteban - A palavra significa "deus existe dentro de mim". É uma substância psicoativa capaz de induzir a uma experiência extática de unidade com o cosmos. Uma vivência da divindade.
LV - Que substância era ingerida em Eleusis?
Esteban - Uma sopa de cereal chamada "kikeon", que continha cornelho de centeio, um fungo com uma substância psicoativa idêntica ao LSD, o enteógeno mais poderoso conhecido.
LV - O que acontecia então?
Esteban - Cada um vivia a sua própria experiência de consciência expandida. Símbolos eram mostrados e cenas eram representadas para guiar o indivíduo ao autoconhecimento.
LV - Era uma embriaguez ritualizada?
Esteban - Sim, fazia parte do sistema, em benefício da livre consciência de cada indivíduo. Isso foi varrido, destruído. Hoje sentimos falta disso, e nossos jovens, ignorantes, acabam causando danos a si mesmos em suas irrefreáveis tentativas de embriaguez.
LV - Quem destruiu esse ritual?
Esteban - Os bárbaros e os monges cristãos nestorianos, no século 4 d.C. A cultura ocidental ficou sem referência de embriaguez.
LV - Temos o vinho, o álcool...
Esteban - Não são enteógenos, são muletas úteis para nossas vidas insatisfatórias, escravizadas pelo rendimento econômico. E, em vez de expandir a consciência, a deixam turva.
LV - Um pouco de álcool pode cair muito bem.
Esteban - A verdade é que o veneno está na dose, como diziam os gregos.
LV - Que personagens ilustres sabiam disso?
Esteban - Toda a obra de Platão é uma crônica de embriaguez! Aqueles filósofos, assim como os xamãs, chegavam ao êxtase, assim também como os druidas e depois as bruxas, ou até mesmo os místicos, ébrios sem substâncias, que tanto inquietaram a Igreja. O poder estabelecido sempre combateu essas pessoas!
LV - Por que motivo?
Esteban - Não há nada mais dissolvente que o livre acesso à própria consciência! Por isso Nixon arremeteu contra os profetas do LSD (Hoffman, Junger, Michaux, Wason, Huxley, Kesey, Leary...), cujas experiências alimentaram o feminismo, a militância ecológica, o pacifismo, os direitos civis... Nixon declarou guerra à consciência: quando começou a guerra contra a droga, começou a grande catástrofe.
LV - Que catástrofe?
Esteban - Milhões de presos, dezenas de milhares de mortos, narcoditaduras, a terceira maior fonte de renda do mercado negro no mundo, camponeses com fome, multiplicação de politoxicomanias... A proibição da droga foi o maior erro do século 20!
LV - Você propõe eliminar a proibição?
Esteban - Por acaso a proibição evitou que nossas crianças estejam se metendo com drogas aos 13 anos de idade? Não! Pelo contrário: a proibição presenteia as máfias com um poder imenso.
LV - Um político colombiano já me disse isso...
Esteban - Muitos governantes já reconhecem o fracasso da praga proibicionista.
LV - Você faz a apologia das drogas?
Esteban - Das drogas não, mas da embriaguez. Qualquer pessoa maior de idade deveria poder consumir qualquer substância (com o limite único da liberdade de terceiros). E, veja só, Silicon Valley nasceu da embriaguez de pessoas como Bill Gates. Este sim admite que fumou alguns baseados!
LV - O que você diria a Zapatero?
Esteban - Que o direito à embriaguez é um direito inerente à liberdade de consciência, e que a lei deveria protegê-lo.
MISTICOS
Esteban me contou que uma experiência lisérgica na mata lhe revelou que os pássaros e as abelhas trançavam, em uníssono, uma dança que escrevia no ar a expressão árabe Ilaha Ilalah (não há mais realidade além da realidade). Caídos os véus, a realidade era uma plenitude na qual não havia diferença entre ele e o mundo, uma experiência de simplicidade amorosa. Depois disso, Javier Esteban escreveu "O Direito à Embriaguez" (El derecho a la ebriedad, Editora Amargord), um panfleto em defesa do direito que as legislações feitas durante o século 20 consideram um perigo. Esteban insiste: "Não defendo as drogas, mas sim o arroubo, o êxtase, a embriaguez a que toda consciência tem direito". Esse estado ao que o místico chega sem precisar de nenhuma droga.

Tradução: Eloise De Vylder

terça-feira, 23 de junho de 2009

simplesmente Chaplin?

Olha Só!... Atendendo a pedidos, em breve, postarei aqui contando um pouco de Chaplin e sua magnífica obra.
Um Salve pra galera de jovens muito doidos dos bairros Vila Antártica e São Jorge em Praia Grande (SP) _ exóticos, mas super do bem _ que curtem o Chaplin.
Na minha humilde consideração, Charles Chaplin (1889-1977), é o precursor do tipo de humor em Chapolin Colorado e no Chaves. E outro coisa que adianto, não sei se vocês sabem, mas ele foi perseguido político do governo norte-americano. Bom, até lá!

Nosso cérebro é o melhor brinquedo já criado:

nele se encontram todos os segredos,

inclusive o da felicidade.

Charles Chaplin

segunda-feira, 22 de junho de 2009

sábado, 20 de junho de 2009

crentinices!










Quem enviou as imagens foi o amigo Matheus Tancredi.
São muito eloquentes! Veja por si mesmo.
Olha Só!... ainda, acalanto o sono da crença na honestidade... pena que ela não é humana.






domingo, 14 de junho de 2009

duas taças de Baudelaire, mas sem gelo por favor


Considerado o pai do simbolismo na França, o poeta "maldito" e crítico de arte francês Charles Baudelaire (1821-1867), entre outros textos, publicou Les Fleurs du Mal ("As Flores do Mal") em 1857, talvez, seu livro mais controverso e que inaugura a modernidade na literatura. Foi, inclusive, condenado por ofensa à moral pública na França. Os juízes o obrigaram a pagar uma multa e viu retirado deste livro seis poemas para que pudesse publicá-lo. Onze anos após o ocorrido, tais poemas voltaram a integrar sua obra, isto na sua primeira edição póstuma. Cuidado! Os artistas morrem, mas não suas grandes obras.


Deixo aqui dois poemas para degustação. Respectivamente, um do livro Petites Poèmes en Prose ("Pequenos Poemas em Prosa", de 1862) _ curiosidade: o texto é citado no "Poema da Necessidade", in Sentimento do Mundo de 1940, pelo poeta mineiro Carlos Drummond de Andrade (1902-1987) _ e outro consta em "Flores do Mal" (que foi um de seus poemas proibidos).



EMBRIAGUEM-SE


É preciso estar sempre embriagado. Aí está: eis a única questão. Para não sentirem o fardo horrível do Tempo que verga e inclina para a terra, é preciso que se embriaguem sem descanso.


Com quê? Com vinho, poesia ou virtude, a escolher. Mas embriaguem-se.


E se, porventura, nos degraus de um palácio, sobre a relva verde de um fosso, na solidão morna do quarto, a embriaguez diminuir ou desaparecer quando você acordar, pergunte ao vento, à vaga, à estrela, ao pássaro, ao relógio, a tudo que flui, a tudo que geme, a tudo que gira, a tudo que canta, a tudo que fala, pergunte que horas são; e o vento, a vaga, a estrela, o pássaro, o relógio responderão: "É hora de embriagar-se! Para não serem os escravos martirizados do Tempo, embriaguem-se; embriaguem-se sem descanso". Com vinho, poesia ou virtude, a escolher.



A QUE ESTÁ SEMPRE ALEGRE


Teu ar, teu gesto, tua fronte
São belos qual bela paisagem;
O riso brinca em tua imagem
Qual vento fresco no horizonte.


A mágoa que te roça os passos
Sucumbe à tua mocidade,
À tua flama, à claridade
Dos teus ombros e dos teus braços.


As fulgurantes, vivas cores
De tua vestes indiscretas
Lançam no espírito dos poetas
A imagem de um balé de flores.


Tais vestes loucas são o emblema
De teu espírito travesso;
Ó louca por quem enlouqueço,
Te odeio e te amo, eis meu dilema!


Certa vez, num belo jardim,
Ao arrastar minha atonia,
Senti, como cruel ironia,
O sol erguer-se contra mim;


E humilhado pela beleza
Da primavera ébria de cor,
Ali castiguei numa flor
A insolência da Natureza.


Assim eu quisera uma noite,
Quando a hora da volúpia soa,
Às frondes de tua pessoa
Subir, tendo à mão um açoite,

Punir-te a carne embevecida,
Magoar o teu peito perdoado
E abrir em teu flanco assustado
Uma larga e funda ferida,

E, como êxtase supremo,
Por entre esses lábios frementes,
Mais deslumbrantes, mais ridentes,
Infundir-te, irmã, meu veneno!*


*Tradução de Ivan Junqueira.


quinta-feira, 11 de junho de 2009

Ado, Ado, Ado, cada um no seu Quadrado!...



Seja o leitor religioso, espiritualizado, agnóstico ou ateu, reproduzo aqui um texto que achei muito interessante. Possíveis preconceitos a parte, não esperava ler algo do tipo escrito por evangélicos. Lembrei-me _ "por acaso" _ das palavras do poeta francês Charles Baudelaire (1821-1867) que diz "para o comerciante até a honestidade é uma especulação financeira".
O texto foi postado em 23/05/09 por Claudecir Caetano no blog http://www. aconteceunaibajap.blogspot.com, endereço que me foi enviado pelo Pastor e Professor de Filosofia Romeu Tavares. Um amigo que como comerciante é um excelente Filósofo Cristão. Este último também tem um blog romeujtavares.blogspot.com.


"Barulhos na igreja e pregação sem propósito"


Uma pesquisa nos EUA mostrou que jovens expostos a um ruído médio inferior a 71 decibeis, entremeados com pulsos de 85 decibeis só a 3% do tempo, tiveram aumentos médios de 25% no colesterol e 68% numa das substâncias provocadoras de estresse: o cortisol. Mas já a partir de 55 decibeis acústicos a poluição sonora provoca estresse, segundo a Organização Mundial de Saúde. Pelo nível de ruído das nossas igrejas, podemos entender porque o estresse tem se tornado tão comum no meio evangélico, surgindo ou agravando arterioscleroses, problemas de coração e de doenças. Fernando Pimentel de Souza, professor da UFMG, especialista em Neurofisiologia e membro do Instituto de Pesquisa do Cérebro, UNESCO, inclui entre os efeitos da exposição aos altos decibéis a “sonolência, fadiga, diminuição da produtividade e problemas de relacionamento social e familiar. Ele acrescenta:

“Se o ruído é excessivo, o corpo ativa o sistema nervoso, que o prepara contra o ataque de um inimigo invisível, sem pegadas, que invade todo o meio embiente pelas menores frestas por onde passa o ar ou por toda ligação rígida à fonte ruidosa. O cérebro acelera-se e os músculos consomem-se sem motivo. Sintomas secundários aparecem: aumento de pressão arterial, paralisação do estômago e intestino, má irrigação da pele e até mesmo impotência sexual” [¹].

Também é bom lembrar que um rítimo repetitivo de fala, entre 42 a 72 golpes por minuto (semelhante ao coração humano) é comprovadamente hipnótico e pode gerar uma alteração do estado de consciência, tornando-a até 25 vezes mais sugestionável. Com base nisso, podemos entender melhor alguns fenômenos “espirituais” que acontecem durante a pregação de alguns avivalistas.

Contudo, o pior problema da pregação contemporânea não é o som alto, e sim a má qualidade dos sermões pregados. Saúde, prosperidade e muita “unção” são os temas recorrentes dos mensageiros da atualidade e a pregação cristocêntrica vai ficando cada vez mais esquecida. É triste ver alguns pregadores que eram considerados homens de Deus, defensores da ortodoxia cristã, hoje tão entregues à doutrina da prosperidade. Somente para corroborar o que estou dizendo: Faz exatamente uma semana que estou acompanhando as pregações de um telepastor na Band, na esperança de ouvir um sermão evangelístico que seja, mas ao que tudo indica ele preferiu dedicar o horario para vender a "Biblia da Batalha Espiritual e Vitória Financeira", que ensina o crente a fazer negociatas com o Todo Poderoso. Uma pena, pois enquanto esses pregadores fazem seus espetáculos na tentativa de promover a própria imagem, o evangelho é deixado de lado e consequentemente milhares de pessoas que poderiam ser transformadas pela Palavra de Deus vão dormir sem conhecer o salvador Jesus. É uma pena...
Ah, e antes que eu esqueça: Acerca da teologia da prosperidade é bom lembrar-nos que quem oferece o mundo em troca de adoração é o diabo, e não Deus (Mt 4.9-10).

domingo, 7 de junho de 2009

5 dicas de práticas antiecológicas



  1. Não use sacolas de pano. Continue a fazer suas compras servindo-se das intermináveis sacolas plásticas, "logicamente" você vai conseguir produzir o equivalente em lixo doméstico para _ rapidamente _ descartar todas elas no meio ambiente. Assim você terá _ numa só sacada _ resolvido três problemas: destinação do lixo (parecido com aquele lugar mágico da infância onde os hambúrgueres nascem prontinhos nas ilhas frigoríficas dos mercados), do acúmulo de sacolas no "puxa-saco" estourando da sua casa (Só quero ver!...rs) e, por último, ou melhor, por ultimato, o reforço a toda educação ante-ambientalista de sua família.


  2. Use e abuse dos detergentes e outros produtos químicos para limpeza, ao invés de tentar outras opções de limpeza não tão agressivas ao meio ambiente. Resigne-se a sua condição anti-ecológica e não faça, por exemplo, dissolver na mesma proporção água e vinagre branco com um pouco de bicabornato de sódio (somente água e vinagre ao limpar coisas mais sensíveis). Com a ajuda de uma esponja natural (ou esponja de aço) você conseguiria limpar tudo aquilo que limparia com detergente.


  3. Persevere em jamais assistir algum programa de TV Cultura, principalmente ao Repórter Eco. Se ligar a televisão e der de cara com o "cara-pálida" Washington Novaes, deligue-a imediatamente e retire as crianças da sala. Se ainda houver crianças... É eminente o perigo de alguma alfabetização ambiental.


  4. Inseticidas são excelentes, inclusive quando inalados pelos seres humanos, plantas e animais domésticos. Outras opções que você não deve usar é açúcar queimado, melado e água, disposto em tiras de papelão, pois repele insetos. Farinha de trigo, gesso calcinado, açúcar e bicabornato de sódio elimina baratas. Pequenos pires de café espalhados por toda casa ninguém merece, mesmo sendo ótimo contra formigas.


  5. Sempre prefira produtos não recicláveis, como papéis toalhas aos panos, serão menos árvores sugismundas no mundo. Dê preferência aos produtos que vem protegidos por isopor, pois tal material é totalmente não biodegradável. Daqui até a "eternidade" aquelas embalagens de espuma de poliestireno (isopor) estararãoconservatíssimas.
  • foto do rio Tietê poluído na região de Salto (SP).

sexta-feira, 5 de junho de 2009

A voz e o rosto do bom senso ecológico

Hoje, 5 de junho, é o Dia do Meio Ambiente. Sendo este, também, o mês dedicado às questões ecológicas.

O jornalista Washington Novaes tem se mostrado, cada vez mais, um arauto de questões ecológicas sem aquele "descabelamento" típico dos extremistas. Olha Só!... com bom senso, paciência e persistência, mostras da sabedoria simples aquilatada na sua trajetória pessoal e profissional, vem ensinando _ a quem quiser ouvir e enxergar _ as astúcias, tanto dos pensamentos e práticas insustentáveis à vida quanto das interações atuais e potenciais dos homens com o meio ambiente. Isto sem a fantasia quixotesca do retorno do homem urbano ao "estado de natureza".

O jornalista em questão é supervisor geral do programa televisivo Repórter Eco apresentado pela TV Cultura. Foi consultor do primeiro relatório nacional sobre biodiversidade. Participou das discussões para a Agenda 21 brasileira. Dirigiu vários documentários, entre eles a famosa série "Xingu" e, demonstrando ainda muito fôlego, encampou "Primeiro Mundo é Aqui", no qual ressalta a importância dos corredores ecológicos no Brasil.
foto capturada do site http://www.blogactionday.com.br/

quinta-feira, 4 de junho de 2009

para a minha Sogra

Il silenzio. Para a minha sogra que gosta de André Rieu e eu...

do silêncio...





video

terça-feira, 2 de junho de 2009

As Culturas da Ficção e as Ficções da Cultura.

1ª parte - As Culturas da Ficção

A primeira vez que fiquei sabendo da existência do Poeta, Jornalista, Cineasta, Fotógrafo, Escritor e Artista plástico (entre tantas outras faces), André Carneiro _ hoje um amigo (apenas parente "espiritual") _ foi através de uma busca sobre pesquisas em livros e artigos científicos que tratassem da relação entre as culturas locais e a dita cultura universal no contexto das produções ficcionais. O meu foco estava nos países de língua portuguesa, com especial atenção ao Brasil e partia da hipótese de possíveis influências da ficção na formação cultural dos povos (e, talvez, menos grandiloquente, em pequenas "comunidades").
Percebi que André Carneiro era frequentemente citado em vários artigos sinalizando sua relevância. Passamos a trocar e-mails que escrevo em letras "garrafais" ao qual responde com muito carinho, mesmo com a má condição de saúde do amigo, já com a idade do corpo avançada, mas de mente lúcida e sensibilidade ímpar. Quando perguntado de um texto seu que eu desejava ler, prontamente tratou de enviar pelo correio dois exemplares do seu livro de poemas, "Quânticos da Incerteza".
Chegou a ser entrevistado em 2001 pela professora da University of Florida e pesquisadora norte-americana, Mary Elizabeth Ginway, em contribuição a composição do livro "Ficção Científica Brasileira: Mitos Culturais e Nacionalidade no País do Futuro", lançado aqui em 2005 pela editora Devir Livraria. Penso como imprescindíveis para quem queira "xeretar" nessas paisagens culturais, tanto as produções dela quanto as dele.

Algumas contribuições de André Carneiro no âmbito da cultura, merecem que reserve espaço maior para fazê-lo. Aguarde a próxima postagem.

Sinopse do livro de Ginway publicado no site da "Livraria Cultura":
Durante o período de 1964-1985, a ditadura militar no Brasil impôs uma política drástica de industrialização e desenvolvimento econômico ao país. Por suas ligações com a ciência e a tecnologia, a brazilianista Elizabeth Ginway, professora de Literatura Brasileira, acredita que a ficção científica é o veículo ideal para o exame da percepção e do impacto cultural do processo de modernização no Brasil. Freqüentemente associado à floresta amazônica, praias tropicais sem fim, e às festividades do Carnaval, o Brasil pode ser visto como um lugar improvável para o surgimento da ficção científica, todavia desde a década de 1960 os escritores brasileiros têm experimentado com o gênero, timidamente, a princípio, mas depois se atirando a ele com ímpeto. O livro da professora Ginway traça um painel da ficção cientifica escrita no Brasil entre 1960 e 2000, fornecendo uma observação única da moderna metamorfose do país, no instante em que se vê na periferia do mundo globalizado. O estudo mostra que uma leitura da ficção científica brasileira, baseada no seu uso de paradigmas anglo-americanos (o robô, o alienígena, a espaçonave, etc.), e de mitos culturais brasileiros (o mito da terra fértil, o povo dócil e feliz, etc.) fornece uma observação única da moderna metamorfose do Brasil, no instante em que o país se vê na periferia do mundo globalizado.

segunda-feira, 1 de junho de 2009

Opções para Harry Potter

Me espantei ao flagrar três alunas da 2ª série do ensino médio lendo livros em sala de aula, ou melhor, lendo... Fiquei admirado ao constatar que não eram os da série "Harry Potter", da britânica J. K. Rowling (1965), um dos raros títulos vistos na companhia de alguns poucos adolescentes da rede pública estadual de ensino. Um era "A mão e a luva" de Machado de Assis (título obrigatório em diversos vestibulares e de trabalhos escolares) e os outros eram dois exemplares de "crepúsculo" (Twilight; ed. Litle Brow, USA, 2005) _ editado em 2008 no Brasil pela Intrinseca _ escrito pela norte-americana, Stephenie Meyer (1973). Um livro (popularizado pelo filme) enredado ao romance proibido entre uma humana e um vampiro. A escolha da capa, conforme a autora, é uma referência a sua releitura do "pecado original". Já havia visto o filme (antes dos 5 prêmios "mordidos" das 7 categorias em 2009 do MTV Movie Awards) e tornei a assistí-lo _ admito com um pouco mais de boa vontade _ mas, como não tenho mais 17 anos continua não me agradando.
A crítica recebeu a publicação com um misto de entusiasmo (pelo olhos do mercado), reservas e adendos (pelos olhos da sensibilidade artística). A "Publishers Weekly", por exemplo, vê como metáforas a paixão cega de Edward Cullen por Bella Swan (personagens principais) como relação de risco entre adolescentes e a "luta interna de Edward" retratando a tensão sexual nesta fase da vida. Neste sentido, a analogia ao caráter "crepuscular" da trama emocional vivida por qualquer adolescente é evidente. Outros o veem pelo prisma crítico ressaltando os apelos excessivos à magia e ao romance "açucarado" e fácil.
Perguntei às alunas se já tinham lido algum livro do escritor André Vianco, nascido na capital São Paulo e criado em Osasco, o qual foi me foi apresentado por alunos da mesma série de uma escola pública federal. "Nunca ouviram falar". Foi o seu segundo livro, "Os Sete", lançado em 2001 pela editora Novo Século que abriu as portas para o autor. Trata-se, também, de um série de romances envolvendo vampiros, porém _ aparentemente _ melhor elaborado, menos byroniano e, certamente _ por enquanto _ sem a "alavanca" do cinema para torná-lo reconhecido e lido. Vamos ver como ficam as coisas depois de filmado, isto já está acontecendo. Olha Só!... Ler tanto faz o que, até que se possa ter o hábito de saber escolher.
Sites oficiais dos escritores:

este é Gaudí



Antonio Placid Gaudí i Cornet, arquiteto catalão (1852-1926).

isto é Gaudí!


domingo, 31 de maio de 2009

mira Miró

Miró na velhice. Sempre criativo.




Miró em foto de Carl van Vechten de junho de 1935.

Miró em foto de 1ª comunhão com 7 anos de idade.
Tênis inspirado na arte de Miró.
É de deixar sneakerhead babando.



As obras do artista espanhol Joan Miró (1893-1983), estão entre as minhas favoritas. Principalmente as pinturas.
O fulano em questão, não era chegado à escola. Não terminou os estudos contrariando a vontade do pai de vê-lo graduado."Preferiu" frequentar uma escola comercial e trabalhar num escritório por dois anos até sofrer um esgotamento nervoso (Saco cheio mesmo!). Seus pais _ se compadecendo do garoto de 19 anos _ consentiram que ingressasse numa escola de arte em Barcelona. Estudou com Francisco Galí que o apresentou às escolas de arte moderna de Paris, o influenciando com sua paixão pelos afrescos de influência bizantina das igrejas da Catalunha e responsável por introduzi-lo à fantástica arquitetura de Antonio Gaudí (outro gênio!).
Miró extravasa as fronteiras de uma arte local. Sua linguagem é o universal, dita através dos detalhes que explodem em simplicidade.

sexta-feira, 8 de maio de 2009

Olha Só!... Inca Kola


Essa é a garrafa da "famosa" Inca Kola.

Olha Só!... Lilian Cabral repicando no "Divã".

Eu não poderia deixar de registrar a boa surpresa que foi assistir ao filme Divã de José Alvarenga. Divertidíssimo! É um mergulho existencial despretencioso _ cheio de humor _ no universo feminino tangenciado pelas relações entre "postos" e "opostos".
Rende, também, a nós os homens, apesar do cartaz "xabi", além de "desopilarmos o fígado" de tanto rir, boas reflexões sobre nossas relações com o sexo oposto. Uma sessão terapêutica, seja sozinho, em casal ou em grupo.
O lucro é que estando acompanhados com suas respectivas parceiras no cinema, possivelmente serão poupados de uma daquelas "boas" discussões de relação tete-a-tete, pois _ elas entendem _ que o filme já valeu por isso. Olha Só!... vale mesmo, mas muito, muito menos dolorido. O duro, depois, é só aguentar o "repica, repica, repica!"...rs
Com atuação primorosa da atriz Lilia Cabral, a mesma que encenou a personagem Mercedes no palco do teatro, em peça homônima, baseada no romance de Martha Medeiros, e, contando com um elenco de peso, prova o acerto que é _ principalmente em tempos de crise(s) _ a descoberta do cinema brasileiro, ainda em tempo, ao conceber o caminho da "comédia" (que também faz pensar!) como via acessível de interações com públicos diferenciados _ carentes de cultura _ entretanto, cada vez mais exigentes.

Inca Kola salva!

Após peregrinação "espiritual" entre as Huacas peruanas, Ulinux, encontra a resposta. Inca Kola salva!

Dizem que o refrigerante em questão conseguiu desbancar a Coca-Cola, durante décadas, tomando conta de boa parte do mercado latino-americano e o protegendo do avanço do sabor Imperialista do norte. Até que a Coca viu-se "obrigada" a comprar a marca e é quem a distribui de modo restrito atualmente, mas... não se enganem, apesar do nome, o sabor é tutti-frutti.